O show da dupla Zezé di Camargo e Luciano em Barras está dando o que falar.  O colunista do portal GP1, Herbert Sousa postou nota hoje dando conta do arrependimento do prefeito eleito Edilson Sérvolo de ter contratado a dupla Zezé de Camargo e Luciano. Confira na íntegra:

“Chegou até o signatário desta coluna que o prefeito eleito de Barras – Edílson Sérvola de Sousa – mais conhecido como CAPOTE, estaria triste e amargurado depois que contratou a dupla Zezé di Camargo e Luciano para realização de um show em praça pública na cidade de Barras para comemorar sua vitória nas últimas eleições.

As informações dão conta que os gastos com a vinda da dupla sertaneja mais famosa do Brasil na atualidade serão bem mais do que Capote pensava.

O show que será realizado no dia 23 de dezembro, e Capote vai desembolsar um cachê de R$ 240 mil somente para a apresentação dos irmãos Zezé e Luciano.

O que está pesando no bolso de Capote são os mimos que os irmãos Camargo estão solicitando, pois varia desde carros blindados até 100kg de frutas tropicais.

Uma extravagância sem tamanho é quantidade de toalhas de rosto pedidas pela dupla: 500.

Como as toalhas pedidas têm de ser em algodão egípcio, e sendo o valor de cada uma em média de R$ 20,90 – só os gastos com toalhas ficarão em R$ 10.450.

Edílson Capote está incrédulo com as despesas extras que podem ultrapassar a casa dos R$ 300 mil reais. Com isso, Edílson gastaria mais em um único show do que gastou em sua campanha eleitoral, que segundo sua prestação de contas foi de R$ 267.605,12.

Como o patrimônio declarado do prefeito eleito Edílson Capote é de R$ 1.086.207,83, Eu não o aconselho mais a contratar cantores famosos, pois se assim continuar fazendo, logo, logo Capote irá à falência.