A vereadora Emília Maciel (PP), após renunciar à candidatura a vice-prefeitura de Barras, solicitou registro para concorrer ao legislativo barrense. O candidato da família era Eufrásio Costa que deve pedir renúncia.

Emília deve disputar uma das cadeiras da Câmara Municipal de Barras com Maurício Rego, filho do ex-prefeito Manim Rego.

José Luís Costa disse que em breve vai anunciar que candidato irá apoiar para prefeito de Barras. Ele afirmou que os candidatos do 11 podem subir no palanque de outros candidatos já que o PP não tem candidato a prefeito.

A expectativa é de que Emília se alie ao grupo de Edilson Capote, já que não pretende ficar do mesmo lado que o Manim Rego está. Dos 20 vereadores do 11, a grande maioria migrou para o Capote.

Emília Maciel pede renúncia de candidatura a vice-prefeita de Barras

Em assembleia nesta segunda-feira (19) com os candidatos a vereadores do Progressistas, a vereadora Emília Maciel decidiu que deve sair como candidata a vereadora pelo partido. A reunião que deliberou pela renúncia da candidata a prefeita aconteceu no Sítio Juazeiro.

A assessoria jurídica do partido emitiu documento à 6ª Zona Eleitoral solicitando sua renúncia como candidata à vice-prefeita alegando questões pessoais.

O irmão da vereadora que seria candidato, Eufrásio Costa, deverá pedir renúncia para que ela seja candidata

A expectativa é que o Progressistas em Barras faça um vereador que pode ser a própria Emília Maciel ou Maurício Rego, ambos buscam a reeleição.

A reviravolta aconteceu após o Ministério Público Eleitoral de Barras emitir parecer pelo indeferimento da candidatura de Manim Rego. O juiz eleitoral ainda vai se posicionar contra ou a favor da manifestação do MP (veja matéria n final).

O Progressistas já liberou os candidatos a vereador para escolher o prefeito que quiserem eleger. A expectativa é que Manim Rego e Emília Maciel fiquem em palanques diferentes.

NOTÍCIA RELACIONADA