A cidade de Esperantina, completa hoje segunda feira (28), 100 anos de emancipação política, desde sua fundação até os dias de hoje, muita coisa vem mudando e modificando a sua identidade.

Cachoeira do Urubu

Esperantina é a Terra do escritor Assis Fortes, Valdemir Miranda, Geraldo Magela, poeta Antonio Sampaio e do Chico Museu é banhada pelo Rio Longá.

O maior atrativo de Esperantina é sem dúvida a Cachoeira do Urubu, um monumento de pedras esculpido pelo rio Longá que separa Esperantina do município de Batalha. A cachoeira está localizada a 21 quilômetros do centro e a 20 de Batalha. No inverno, as águas são tão volumosas que chegam a dificultar a passagem de um lado a outra da cachoeira divido por uma passarela. Emoldurando o cenário, árvores frondosas e típicas completam o espetáculo. A área foi transformada em Parque Ecológico da Cachoeira do Urubu.

A cidade que surgiu como Retiro da Boa Esperança as margens do rio Longá hoje com quase 40 mil habitantes é sustentada a base do comércio local que é forte e ganha destaque na região.

Geograficamente a cidade de Esperantina é bem estratégica, fica próximo do litoral e também da capital ganhando este destaque na região dos cocais.

Parque Ecológico da Cachoeira do Urubu
Parque criado para reservar a Cachoeira do Urubu e seu entorno, formado por árvores frondosas e típicas. Abrange as terras dos Municípios de Batalha e Esperantina. Suas margens são ligadas por uma passarela com 400 m de extensão, que as ligam.

Parabéns Esperantina!