A Ordem dos Advogados do Brasil – OAB Subseção Barras lançou na noite desta quarta-feira (18), uma nota de repúdio em virtude a abordagem do exército brasileiro ao Advogado Luiz Rodrigues de Lima Júnior. 

No último domingo (15), o advogado foi abordado por policiais do exército brasileiro e foi obrigado a retirar adesivos de candidatos de seu carro

A

OAB Subseção Barras lançou uma nota de repúdio sobre o ocorrido, afirmando na mesma que o advogado foi constrangido no exercício de sua profissão.