A cidade de Barras foi atacado nesta sexta-feira por fake news. Um site que já foi condenado por propaganda eleitoral e que é ligado a prefeitura de Barras divulgou falsa notícia de que a liminar de Capote caiu e que a candidatura dele foi indeferida.

A assessoria jurídica da campanha de Edilson Sérvulo de Sousa entrou em contato com o longah para esclarecer que nada disso é verdade e que essa divulgação tem uma única finalidade: desqualificar a campanha de Capote para beneficiar a campanha do adversário.

O promotor eleitoral Silas Sereno já se manifestou pelo deferimento da candidatura die Edilson Capote. Notícias extra-oficiais não existem. São fake news.

NOTÍCIAS RELACIONADAS