Uma placa em um terreno em frente à rodoviária de Barras chamou a atenção da população pelo fato de estar em um local que se imaginava ser terra pública.

O longah ligou para o número e falou com a pessoa responsável pela venda. Trata-se de um pastor de uma igreja evangélica de Barras. Ele explicou que o terreno pertence à igreja que ele congrega e que pagou à Cohab por ele.

“Tenho toda a documentação. Tenho o carnê de pagamento e posso comprovar que está tudo dentro da lei”, explicou o pastor Cleudson.

Ele informou ainda que não está loteando. Quer vender o terreno todo, que mede pouco mais de 900 metros.

O pastor disse ainda que a prefeitura de Barras reconhece o terreno como da igreja e que já enfrentou a justiça para comprovar que o terreno pertence a ele.

“Tenho todos os documentos e quem quiser comprovar, é só vir na minha casa!”.