23 mortes no final de semana. Pessoas de Porto e de José de Freitas na lista

IML tem balanço sangrento

Registros do Instituto de Medicina Legal (IML), mostram que o final de semana foi violento no Piauí, registrando 20 mortes. No domingo (10),  morreu Antonio Carlos de Oliveira Carvalho, de 25 anos. Ele morreu no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), em consequência de um acidente de trânsito, que sofreu no município de Porto, onde morava.

Morreu vítima de acidente de transito ocorrido na noite de sábado (09), o gesseiro Fernando Luis Batista Cardoso, de 21 anos. Ele era natural da cidade de Esperantina, mas morava na Vila Santa Bárbara, em Teresina. Ele morreu em consequência da colisão frontal entre duas motocicletas na BR-343, no trecho que liga Teresina a Altos.

Morreu no mesmo acidente Gilmar Barradas de Morais, de 31 anos. Ele era natural de Salvador (BA), era mecânico e morava na Vila Irmã Dulce, na zona Sul de Teresina. Enquanto Fernando Luis, morreu no próprio local do acidente na BR-343, Gilmar Barradas após ser atendido no HUT, não resistiu aos ferimentos e trauma e veio a óbito.

Foi assassinado com tiro de revólver em via pública, Leonardo Ravelli Rodrigues Freitas, de 22 anos, ele era desempregado e morava na Vila Operária, bairro da zona Norte de Teresina.

Foi assassinado José Marlei Correia de Sousa, um estudante de 12 anos, que foi encontrado dentro de um matagal, no povoado Soinho, na zona rural de Teresina. José Marlei morava na Vila Bandeirantes, na zona Leste de Teresina.

Foi assassinado a pauladas o carregador Francisco Ferreira da Silva, de 69 anos. Ele era natural da cidade de Parnarama e morava na Vila Irmã Dulce. Ele foi vítima de espancamento de pauladas e levado para atendimento médico no HUT, onde não resistiu aos traumas e morreu.

Foi assassinado com golpes de faca, o desempregado Antonio Marques Mota da Silva,de 36 anos. Ele era natural de Teresina e morava em Altos, onde aconteceu o crime, em via pública próximo ao Mercado Público da cidade.

Morreu vítima de edema cerebral, em decorrência de queda de altura o lavrador Francisco Martins Fontes, de 69 anos. Ele era natural de José de Freitas, morava no conjunto Mocambinho I, na zona Norte de Teresina. Após a queda, Francisco foi internado no HUT, mas não resistiu aos traumas e morreu.

Em José de Freitas, um homem identificado como sendo Carlos Renan Gomes Machado, 28 anos de idade, residente no Bairro Santo Antônio, zona urbana de José de Freitas, foi assassinado com vários tiros de arma de fogo, por volta das 4h e 45min, deste domingo.

A trabalhadora rural Maria de Lurdes Monteiro da Silva, de 54 anos, morreu vítima de acidente de trânsito. Ela morava no povoado Bom Jardim, na zona rural de Timon (MA). Após sofrer o acidente, Maria foi transferida para Teresina e internada no HUT, onde morreu.

Foi assassinado com tiro de revólver, o segurança Reginaldo Barbosa de Sousa, de 30 anos. Ele morava no povoado Mafrense, e foi enterrado na lagoa do bairro onde morava.

Morreu vítima de acidente o lavrador Mariano de Carvalho Brito, de 47 anos. Ele era natural do município de Piracuruca. Após sofrer o acidente, ele foi transferido para Teresina e internado no HUT, onde morreu.

Foi assassinado no Parque Brasil III, na zona Norte de Teresina, o desempregado Cícero Nunes da Silva, de 23 anos. Ele foi vítima de 26 golpes de faca e teve seu corpo jogado em um matagal próximo de uma estrada vicinal.

Foi assassinado com tiro de revólver, o marceneiro Marcus Venício Santos da Silva, de 27 anos. Ele morava no bairro Buenos Aires, na zona Norte de Teresina.  Ele foi internado no HUT, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O IML registrou a morte da auxiliar de serviços gerais Aldenira de Sousa Teles, de 68 anos. Ela morava no município de Piracuruca.

Um carro desgovernado atropelou e matou um ciclista na manhã deste domingo (10) em Esperantina. O motorista foi socorrido e morreu no hospital.

Morreu vitima de acidente de trânsito, a lavradora Rosa Maria da Conceição Santos, de 64 anos. Ela era natural e Capitão de Campos, onde sofreu o acidente. O IML registrou ainda cinco suicídios.

DEIXE UMA RESPOSTA