“Apenas critérios técnicos serão utilizados para distribuição de kits a afetados pelas cheias”, diz Leonilda

A controladora do município de Barras, Leonilda Teixeira, falou ao longah.com sobre a distribuição do material proveniente do Ministério da Integração pára os atingidos pelas cheias de 2018. Segundo ela, ontem á tarde, houve uma reunião registrada em ata sobre a forma de distribuição destes kits envolvendo as técnicas e pessoal da defesa civil municipal.
A controladora explica que a distribuição será basicamente da mesma forma da anterior. “As técnicas irão na residência dos afetadosenchente. Irão analisar principalmente os casos de quem já foi beneficiado com colchões e irá reavaliar a ficha da primeira visita”, explica.
Ficou decidido em reunião que as visitas deveriam iniciar nesta terça (15) pela zona urbana. Logo depois serão visitadas a da zona rural . “Nenhum material foi entregue porque as visitas começaram hoje. Quem já recebeu a senha poderá dar início ao recebimento a partir desta quarta (16)”, reitera.


O Kit de ajuda humanitária é composto da: Cesta básica, kit limpeza, kit higine, kit infantil (conforme o caso), kit idoso, kit dormitório e colchão (de acordo com a necessidade da família).
Leonilda acredita que a distribuição de forma estritamente técnica dos kits pode ter deixado algumas pessoas descontentes “porque desta vez não está sendo como das outras vezes, com fins eleitoreiros. O critério é bem técnico. A assistente social vai in loco conferir a necessidade das famílias que foram cadastradas durante o período das chuvas para proceder a entrega. Não vai haver ingerência política nessa distribuição. Isso é coisa do passado. Será bem técnica de foma igualitária”, destaca.


A transparência no processo é a prioridade exigida pelo prefeito Carlos Monte. Por isso, enviou um ofício à Câmara Municipal convidando os vereadores para participar da reunião onde seriam discutidas as formas de distribuição dos kits e para que fiscalizassem a distribuição. “A comunidade também está convidada a acompanhar o processo de distribuição”, disse a controladora.
O secretário Estadual e equipe técnica da defesa civil estão sendo esperados nesta quarta-feira para acompanhar o início de distribuição e conferir as normas de andamento do processo.

  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here