Barras, Batalha, Esperantina, José de Freitas e mais 31 cidades no novo Mapa do Turismo

Instrumento de ordenamento, viabilizado pelo Governo Federal no intuito de nortear o desenvolvimento de políticas públicas para o turismo, o Mapa do Turismo é integrado por 35 municípios piauienses, dispondo das peculiaridades e especificidades de cada região. Os dados colhidos em agosto, mostram que apenas a capital, Teresina está classificada na categoria ‘A’ do setor.

Além da capital piauiense, os demais entes do Estado aptos a receberem ações específicas do Ministério do Turismo, são: Amarante, Barras, Batalha, Bom Jesus, Buriti dos Lopes, Buriti dos Montes, Cajueiro da Praia, Campo Maior, Caracol, Castelo do Piauí, Caxingó, Coronel José Dias, Corrente, Esperantina, Floriano, Ilha Grande, Ipiranga do Piauí, Jerumenha, João Costa, José de Freitas, Juazeiro do Piauí, Luís Correia, Oeiras, Parnaíba, Pedro II, Picos, Piracuruca, Regeneração, Santa Cruz dos Milagres, São João da Fronteira, São João do Piauí, São Raimundo Nonato, Teresina e União.

A maioria dos municípios piauienses está classificada na categoria ‘D’ do Mapa do Turismo, sendo distribuídos em sete regiões do Estado. O dispositivo conta com 2.175 municípios brasileiros, organizados em 291 regiões turísticas, sendo definido pelos próprios Estados, obedecendo os critérios estabelecidos pelo Ministério do Turismo e o nível de desenvolvimento da regionalização de cada ente federativo.

A última atualização do Mapa do Turismo feita no ano passado, exclui 71 municípios piauienses, o indicativo se deu pelo descumprimento dos critérios estabelecidos, o não envio dos documentos comprobatórios ao Mtur, ou o entendimento do próprio município que sua atividade econômica é outra e que atualmente não possui vocação turística ou possibilidade de cooperação com municípios turísticos, como indicou o Ministério do Turismo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA