CABECEIRAS/ Prefeito reconhece que houve erro em plano enviado para aprovação na Câmara

O prefeito de Cabeceiras do Piauí, José Joaquim de Sousa Carvalho (PP), falou sobre o projeto de criação do Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos. Ele respondeu a matéria: Prefeitura de Cabeceiras quer aprovar plano copiado e colado de outra cidade. “Coisas absurdas!”

Zé Joaquim disse que realmente o projeto de Cabeceiras do Piauí foi baseado no projeto de Campo Maior, pois é uma cidade maior, da mesma região, e já está mais organizada neste sentido, mas que foi todo adequado para a realidade de Cabeceiras. Disse que houve um erro no momento de juntar os documentos para encadernação e algumas partes do projeto de Campo Maior acabaram sendo colocados juntos ao de Cabeceiras.

O gestor disse ainda que não tem nenhum problema em reconhecer que houve um erro e que este erro foi corrido há tempo e que a Câmara de vereadores é justamente para detectar isso e sugerir mudanças quando achar necessário. “Já estamos fazendo as correções e iremos encaminhar novamente o projeto para a Câmara” disse.

O prefeito disse ainda que não ver fato grave, mas apenas um erro formal que foi detectado e o poder executivo, no momento que foi comunicado, solicitou o projeto de volta e estar corrigindo e vai mandar de volta para câmara. “Querem fazer esculacho com técnicos e principalmente impedir avanços para município. Aceitamos críticas, correções, somos conscientes que temos e teremos muitas coisas a melhorar e corrigir, não nos sentimos diminuídos ou incompetentes, pelo contrário, não sabemos de quase nada, queremos aprender e com o compromisso de tentar fazer melhor , mesmo que errando na tentativa de acertar” conclui nota.

A empresa que elaborou o projeto também emitiu nota:

A empresa Econ Consultoria & Projetos Ambientais, com sede no município de Campo Maior, tendo como sócio-proprietário o Sr. Diêgo Ribeiro Chaves, vem através dessa nota prestar esclarecimentos em relação a divulgação de erros contidos no Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos de Cabeceiras.

Queremos afirmar que nem o prefeito José Joaquim de Sousa Carvalho, muito menos o corpo técnico da Prefeitura Municipal de Cabeceiras são responsáveis pelo erro cometido.

Em 06 anos de existência, a empresa Econ Consultoria & Projetos Ambientais vem sempre prestando um serviço de excelência em todos os projetos realizados tanto para empresas, pessoas físicas e órgãos públicos em toda a região Nordeste. Temos equipe técnica qualificada para todo e qualquer tipo de projeto, mas por infelicidade reconhecemos que erramos nesse projeto.

Devido ao grande volume de serviços da empresa nos últimos meses e todas as equipes estarem envolvidas em vários projetos em todo estado do Piauí, fizemos convite a um profissional experiente em gestão municipal a compor a equipe de nossa empresa e executar os trabalhos do Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos de Cabeceiras. Ocorreram erros técnicos e operacionais que resultaram em um trabalho fora dos padrões de qualidade e técnica da empresa Econ Consultoria & Projetos Ambientais.

Em decorrência da necessidade do Plano passar pela análise da Câmara de Vereadores e celeridade deste para com o prazo, o responsável técnico da empresa Econ Consultoria não teve tempo hábil para analisar o projeto após elaboração.

Diante desse erro, pedimos as mais sinceras desculpas e reafirmamos que nem o prefeito, muito menos os técnicos da prefeitura tem alguma responsabilidade sobre o fato.

Nos comprometemos em corrigir, alterar, modificar, acrescentar ou retirar toda e qualquer informação errônea que esteja contida no Plano, atendendo as necessidades do município de Cabeceiras e dos órgãos competentes.

Desde já agradecemos pela compreensão.

Diêgo Ribeiro Chaves

Biólogo / Sócio-Proprietário da Econ Consultoria

Notícia relacionada:

Prefeitura de Cabeceiras quer aprovar plano copiado e colado de outra cidade. “Coisas absurdas!”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here