Carlos Monte diz ser contra a prorrogação de mandatos e fala sobre reeleição

O prefeito de Barras, Carlos Monte, não confirmou se vai tentar a reeleição. Ele disse que não está tendo tempo para pensar nisso devido ao trabalho intenso frente à administração do município e a preocupação em honrar dívidas e cumprir compromissos.

“Falo sinceramente, enquanto tem um monte de colega prefeito pensando em reeleição, eu neste momento não estou. Vou deixar para tratar disso no próximo ano. Estou pensando é na administração da cidade”, declarou em entrevista a uma rádio de Piripiri, enquanto pretensos candidatos já estão em ritmo de campanha pela cidade e nas redes sociais.

Carlos Monte falou também da proposta de prorrogação dos mandatos dos atuais prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, que visa unificar as eleições gerais e as eleições municipais previstas nas PECs 56/2019, do deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB-SC), e 376/2009, do deputado Ronaldo Santini (PTB-RS).

O prefeito afirma ser veementemente contra.

“Não sou a favor da coincidência de mandatos. Nós fizemos uma eleição para quatro anos. Então que seja para uma gestão de quatro anos. Quando se fizer uma para seis anos, aí sim é o momento de se igualar as eleições no Brasil”, pontuou.

Entre as mudanças mais significativas está também o fim da reeleição para presidente da República, governadores e prefeitos, cujos mandatos seriam ampliados para cinco anos.

Os defensores das PECs alegam que uma economia na casa dos quatro bilhões de dólares é o que prevê a proposta de alteração dos pleitos eleitorais dos atuais mandatos nos Poderes Executivo e Legislativo nas três esferas: federal, estadual e municipal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here