Em Batalha, homem acusa policiais militares de agressão

Um homem está acusando um grupo de policiais militares de abuso de autoridade e agressão. O caso aconteceu na noite do último sábado (22), no bairro Esperança II, em Batalha/PI.

De acordo com o relato de Paulo Henrique Ferreira de Sousa, que presta serviço como vigilante para os Correios de Batalha, ele estava com a esposa e um casal de amigos ouvindo som automotivo e bebendo cerveja na porta de casa, por volta das 20 horas, quando chegaram duas viaturas da Polícia Militar e foi solicitado que o dono do veículo diminuísse o volume do som. Paulo Henrique conta que o Sargento Messias Machado, juntamente com os policiais Bolinha e Sampaio teriam lhe agredido com socos e chutes sem nenhum motivo aparente, em seguida o vigilante foi algemado e levado para a delegacia, sendo solto no dia seguinte (confira áudio do vigilante no player abaixo).

A nossa reportagem procurou a Polícia Militar, que contou outra versão. Segundo Messias Machado, a prisão do vigilante foi realizada depois de uma denúncia dos vizinhos de que havia um som com o volume muito alto na rua José Maria Borges.

Ainda segundo a polícia, o dono do som, conhecido como André Silas, não se negou a desligar o equipamento, porém o vigilante Paulo Henrique disse que não era hora de desligar som e começou a agredir a guarnição verbalmente, tendo que ser imobilizado e algemado (confira áudio com a voz de Messias Machado no player abaixo).

Messias Machado ainda relatou que durante a prisão, o vigilante Paulo Henrique lhe fez ameaças. “Ele foi autuado em flagrante por desacato e resistência à prisão”, disse Machado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here