Empresário é preso por manter a esposa em cárcere privado desde o Natal em Boa Hora

A Polícia teve conhecimento do caso através do aplicativo ‘Salve Maria’ que é usado para denúncias de violência doméstica contra a mulher.

Um empresário foi preso em flagrante pela Polícia Civil de Barras, nesta sexta-feira (29) suspeito de espancar e manter a esposa em cárcere privado desde o Natal, no município de Boa Hora, a 109 km de Teresina.

“Ele bateu no rosto dela, deixando os olhos muitos machucados. Arrancou uma quantidade enorme de cabelo e enrolou uma corda no pescoço dela ameaçando matá-la com uma arma de fogo. É uma situação realmente muito grave”, disse o Delegado Renato Pinheiro, de Barras.

A Polícia teve conhecimento do caso através do aplicativo ‘Salve Maria’ que é usado para denúncias de violência doméstica contra a mulher. A vítima havia publicado fotos da agressão e vídeos pedindo ajuda da população para denunciar o atual marido, por ameaças e agressões.

Após a denúncia, a Polícia foi até a residência do casal, constatou os ataques contra a mulher e prendeu o empresário em flagrante.

Em vídeo vítima pede que marido continue preso

No vídeo, a vítima fala da periculosidade do marido e pede ajuda das pessoas para que ele fosse preso.

“Espero que vocês vejam todas as possibilidades de manter ele preso por que ele é muito perigoso. Eu já fui casada com ele e sei o quanto é frio, calculista e não vai deixar isso barato” contou a mulher agredida.

O empresário vai ser indiciado por lesão corporal, violência doméstica e sequestro e cárcere privado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here