Homicida pega 24 anos de prisão por estuprar e matar idosa em Batalha

Terminou por volta das 19 horas o julgamento de Francisco Marcelo Braz. Foi condenado a 24 anos de prisão por matar uma idosa no município de batalha. O promotor do juri foi o Dr. Silas Sereno. E o responsável pela defesa do réu é o Dr. Ítalo Cavalcante Sousa, que foi nomeado porque o defensor, após o defensor público Jefferson Kalume de Oliveira, responsável pelo caso ter sofrido um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Além de matar, ele estuprou a idosa Teodora Rodrigues (foto ao lado), 60 anos. Ele usou uma faca para golpear a vítima. O caso teve bastante repercussão. Francisco Marcelo já havia sido sentenciado, e condenado pela prática dos crimes de roubo e lesão corporal com violência doméstica.

O crime aconteceu no dia 25.04.2017. O filho da vítima chegou em casa e encontrou Marcelo. Este tentou de toda forma evitar que ele entrasse na casa, local onde ele veio a encontrar a mãe já sem vida, momento em que o acusado fugiu.

Filho encontra mãe morta na cama com sinais de violência sexual

Justiça decreta prisão preventiva de suspeito de estuprar e matar mulher em Batalha

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here