Juiz permite exame de sanidade em acusado de matar cunhado no Piauí

O juiz Sergio Roberto Marinho Fortes Rêgo, da Comarca de Miguel Alves, autorizou que  seja realizado o exame de sanidade mental em Bruno Fernandes de Araújo, acusado de assassinar o próprio cunhado a facadas no dia 23 de junho. A decisão é do último dia 5 de agosto.

Nos autos, a Defensoria Pública pediu a instauração do exame após juntar uma
documentação do Hospital Areolino de Abreu, que comprova que Bruno Fernandes ficou internado na unidade por um breve período.

Na decisão, o magistrado considera que é importante a realização do exame para dar seguimento à ação penal e saber a condição mental do acusado no momento em que realizou o crime.

“A matéria em questão, importa assinalar, afigura-se de interesse não só do
acusado, com vistas à sua defesa, mas também da coletividade como um todo.
Não se pode dar regular prosseguimento à ação penal sem se saber da condição
mental do imputado, seja atualmente, seja no momento da ação delituosa”,
destacou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here