Palhaço Pirulito ainda não encontrou monociclo. Ajude-o com informação!

O monociclo que sumiu havia sido confeccionado por seu cunhado há apenas três meses e era usado para apresentações extras em escolas, uma forma de ganhar uma renda a mais com o circo. O longah vai solicitar a ajuda do delegado Renato Pinheiro para encontrar o monociclo perdido.

BARRAS – O Palhaço Pirulito se empolgou porque teve notícia do lugar onde seu monociclo estava, mas quando foi lá viu que era alarme falso. Para quem não acompanhou, o monociclo de Rubens Ferro, o palhaço, caiu de cima de um caminhão, na sexta-feira (08/09), no trajeto entre a churrascaria Pesqueiro, na entrada do município, até o Bairro Santinho, onde o Circo Formiguinha foi montado. E nunca foi devolvido.

A apresentação do palhaço está comprometida pela falta do instrumento, que é o ganha-pão do artista circense. Apesar de trabalhar fazendo os outros felizes, Pirulito anda triste e fazer com que ele volte a sorrir é o objetivo da campanha “Devolva o monociclo do Palhaço Pirulito!”.

O delegado Renato Pinheiro disse que tentaria ajudar na busca do monociclo.

Pirulito com alunos de escola pública após apresentação

“Além disso, está impedindo Pirulito de fazer apresentações nas escolas. Ele tem percorrido a zona rural e urbana de Barras e Cabeceiras fazendo apresentações para alunos de escolas da comunidade. A bicicleta faz parte da sua apresentação. Estamos apelando para quem pegou, devolver, afinal ela só serve para quem é palhaço”, explica o radialista José Peres, que está encabeçando a campanha.

Pirulito conta que é palhaço desde os quatro anos de idade. Atualmente, ele tem 30 anos e sobrevive da arte circense com a esposa e os filhos.

“O monociclo caiu no centro de Barras, quando a gente se deslocava de um bairro para outro. Por favor, quem achou, me entregue… é meu instrumento de trabalho no circo e nas escolas. Preciso muito dele. Tenho uns shows marcados nesse mês. A melhor apresentação que tenho nas escolas é com esse monociclo”, pede o palhaço do Circo Teatro Formiguinha.

O monociclo que sumiu havia sido confeccionado por seu cunhado há apenas três meses e era usado para apresentações extras em escolas, uma forma de ganhar uma renda a mais com o circo.

“Ele não custa muito caro, mas não serve pra ninguém, só para mim. Trabalho em cima dele. Por favor, quem achou ou viu meu monociclo, busque um meio de me entregar. Ele é um meio de ganhar o pão para mim e minha família”, desabafa.

Informações sobre o monociclo podem ser dadas através do telefone (86) 99488 1505 ou whatsapp (86) 99933 1834.

Veja apresentação do palhaço!

DEIXE UMA RESPOSTA