Processo de cassação do prefeito Manoel Lázaro já em fase de audição de testemunhas

Arquitetado por membros da oposição, com apoio do grupo político de Dó Bacelar (PP), o processo de cassação do mandato do prefeito Manoel Lázaro (PT) está na fase de audição de testemunhas na câmara de Nossa Senhora dos Remédios Piauí.

Na última semana, por exemplo, apontados como sendo os supostos mentores da proposição, prestaram esclarecimentos o advogado Virgílio Bacelar e o policial civil Ronaldo Lages. Apesar das evidências, ambos negaram participação ou interesse pessoal na queda do gestor.

No entanto, Ronaldo foi flagrado em vídeos na companhia dos vereadores Mirim e Junior Jabarão numa verdadeira caça aos endereços do prefeito para notificá-lo na capital.

Jornais e sites do nordeste inteiro mostraram que Virgílio foi mais audacioso e que tratou pessoalmente de tentar convencer vereador a votar contra o prefeito, mostrando como o jogo foi criado.

Sugeriu, ainda, em grupos de WhatSapp, conforte imagens veiculadas na televisão, meios para atrasar o concurso público da cidade para supostamente favorecer pessoas de seu agrado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here