Sindicato move ação civil contra Dó Bacelar por abono férias

O Sindicato dos Servidores Municipais de Porto está movendo com uma ação cível contra o prefeito Dó Bacelar (PP) para reaver o abono férias que está atrasado. Além de cortar parte dos direitos dos funcionários concursados, o gestor atrasou os recursos que são garantidos por Lei, desta forma prejudicando a classe.

A denúncia está sendo feita pela presidente da instituição junto ao Ministério Público Estadual, com documentação entregue à Promotora Àurea Madruga. Estima-se que os direitos foram cortados pelo gestor desde o mês de janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here