Nesta segunda-feira (27) foi julgado no colegiado do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) o recurso movido pelo Ministério Público Eleitoral sobre absolvição do ex-prefeito Edilson Sérvulo de Sousa. Novamente o ex-prefeito foi vitorioso porque o colegiado manteve a decisão de absolver Capote da acusação de compra de votos na eleição passada.

Estavam arrolados no processo que o TRE-PI julgou improcedente Ivanilda Sérvulo, Jeane Castelo Branco e Manim Rego.

O relator Desembargador Erivan aceitou o Recurso do MPE, mas manteve a absolvição por 5 a 1 da votação do julgamento anterior.