Anúncio
REDUÇÃO

COVID| Barras está há 12 dias sem óbitos. Números caem também no Piauí

As medidas de prevenção vão continuar para evitar que casos aumentem.

05/06/2021 20h18Atualizado há 2 semanas
Por: Redação
Fonte: Maria Carcará, do longah
402
Manoelina dos Santos teve alta neste sábado
Manoelina dos Santos teve alta neste sábado

O avanço da vacinação contra a Covid-19 no Piauí levou a redução, em maio, de até 62% em óbitos de idosos atingidos com a doença, na comparação com o mês de abril deste ano. Ao analisar o total de mortes pela Covid-19 em todas as faixas etárias da população, a Sala de Situação, grupo formado por especialistas da Universidade Federal do Piauí (Ufpi) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), chegou à conclusão de que a imunização está fazendo efeito.

O município de Barras está há 12 dias sem óbitos e o número de casos se mantém estabilizado com menos de 200 casos ativos e sem agravamento que culminasse com óbito. Em 2021, somente no dia 22 de maio, casos passaram de 200. Foi o dia de maior número: 201. No hospital do município, quatro seguem internados.  Mesmo assim, as medidas vão continuar para evitar que casos aumentem.

As medidas de controle de circulação de pessoas e de atividades econômicas, as busca ativas, sanitização de ambientes, a vacinação vêm permitindo que números não cresçam de forma exagerada.

NÚMERO DE MORTES ENTRE JOVENS NO PIAUÍ FOI O QUE MENOS  CAIU

“No Piauí, no mês de maio, houve queda de óbitos em quase todas as faixas etárias, mas entre os com idade acima de 60 anos, a redução foi maior, o que podemos atribuir a soma do efeito da vacina com os cuidados já conhecidos, como uso de máscara, distanciamento social e higienização das mãos”, afirma Emídio Matos, doutor em Biologia Molecular, que faz parte da Sala de Situação.

No grupo da faixa etária acima de 80 anos, a redução de mortes foi de 48,6% de abril para maio de 2021. No grupo de 70 a 79, a queda foi de 62,6%. No grupo de 60 a 69 anos, 46,8%. Quando se aproxima dos mais jovens, a redução é menor: 24,4% na faixa etária de 50 a 59 anos, 25% na faixa de 40 a 49 anos e 7,5% na faixa de 30 a 39 anos. Um dado curioso foi a queda de 75% no grupo de 20 a 29 anos.
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias